CFVV CFVV Author
Title: Água do rio Grande já passa sobre o piso da ponte rodo-ferroviário
Author: CFVV
Rating 5 of 5 Des:
Nível das águas do rio Grande eleva e invade a mancha urbana de Ribeirão Vermelho.       Nível eleva e água já atingiu conta máxima, trânsit...

Nível das águas do rio Grande eleva e invade a mancha urbana de Ribeirão Vermelho.
    
Nível eleva e água já atingiu conta máxima, trânsito, de automóveis e locomotivas sobre a ponte rodo-ferroviário está fechado. Foto Jornal de Lavras


A água do rio Grande já está passando sobre o piso da ponte rodo-ferroviária de Ribeirão Vermelho, a lâmina d'água já espalhou pela parte baixa de Ribeirão Vermelho e atingiu cerca de um metro o prédio da prefeitura daquela cidade. O patrimônio ferroviário, um dos mais ricos do Brasil, onde tem a maior rotunda da América Latina, já foi tomado pelas águas.
O problema não se restringe apenas a Ribeirão Vermelho, na manhã de hoje a Polícia Rodoviária Estadual (PRE) compareceu a BR-265, no quilômetro 349, no sentido Lavras ponte do rio Capivari, onde providenciou uma sinalização naquele ponto, já que foi constatada uma depressão na pista com fissuras no asfalto. O problema foi verificado depois da chuva que caiu durante toda a madrugada.
No local existem vários eucaliptos que podem cair sobre a pista de rolamento. O problema está comprometendo meia pista da BR. A Polícia Rodoviária notificou ao DNIT (Departamento Nacional de Infraestrutura Terrestre). 
Agora à tarde a Polícia Rodoviária interditou a MG-332, no quilômetro 40, onde o nível da água do rio das Mortes subiu e passou sobre a pista de rolamento. Segundo a PRE, não há previsão de liberação da pista nas próximas horas.
Em Lavras, na madrugada desta segunda-feira, o motociclista Ivanil Aparecido da Silva, de 40 anos, tentou passar com sua motocicleta uma enxurrada, na rua Rotary, no bairro Alvorada e caiu, sua motocicleta foi levada pelas águas e desapareceu em um ribeirão.
Além da motocicleta, Ivanil, que mora no bairro Pedro Silvestre, perdeu dinheiro e documentação do veículo. Até o momento a motocicleta Honda Bross não foi encontrada.

FONTE JORNAL DE LAVRAS

About Author

Advertisement

Postar um comentário

Anderson Nascimento disse... 10 de janeiro de 2012 22:45

Não vi imagens de Ribeirão Vermelho, mas é com tristeza que leio esta notícia. Em setembro estive na cidade e fiquei muito entusiasmado com a reforma de um dos galpões do parque ferroviário, ficou maravilhoso, assim como fiquei contente ao saber dos projetos da cidade para o resto do parque. Com o Rio Grande cheio assim, além dos moradores próximo ao parque ferroviário, o próprio parque sofre mais uma vez com as águas. Até quando resistirá aquele tesouro histórico que não recebe nenhuma atenção das autoridades estaduais e federais? Desejo força ao povo de Ribeirão Vermelho e espero que as águas baixem rapidamente.

 
Top